Purple box with multiple white circles with lines connecting them to a single white circle in the middle.

Ferramenta Junção

Versão:
2022.3
Last modified: January 06, 2023

Fluxo de trabalho de exemplo

A ferramenta Junção tem um fluxo de trabalho de exemplo. Visite Exemplos de fluxos de trabalho para saber como acessar esse e muitos outros exemplos diretamente do Alteryx Designer.

Use a ferramenta Junção para combinar duas entradas com base em campos comuns entre as duas tabelas. Você também pode combinar dois fluxos de dados com base na posição dos registros.

Configurar a ferramenta

  1. Selecione como executar a junção. As duas opções são: pela posição dos registros ou por um campo (coluna) específico.
    • Junção pela posição dos registros: selecione essa opção quando as duas tabelas a serem combinadas têm a mesma estrutura de campos; os dados são combinados com base em suas posições dentro das duas tabelas.
    • Junção por campos específicos: selecione essa opção quando as duas tabelas têm um ou mais campos em comum (como um ID); os dados são combinados com base no campo compartilhado. Você pode optar por executar a junção com base em múltiplos campos. Cada junção deve ser uma linha separada na grade.

    Mensagens de erro potenciais

    A ferramenta Junção restringe quais tipos de campo podem ser combinados. Mensagens de erro podem ser geradas informando que junções em dados do tipo Double ou Float não são recomendadas devido a um erro de arredondamento que pode ocorrer.

    • Campos de cadeia de caracteres só podem ser combinados a outros campos de cadeia de caracteres.
    • Campos numéricos só podem ser combinados a outros campos numéricos.
    • Campos booleanos só podem ser combinados a outros campos booleanos.
    • Campos de data/hora só podem ser combinados a outros campos que tenham exatamente o mesmo tipo de dados.
    • Campos espaciais não podem ser combinados. Use a ferramenta Correspondência Parcial para isso.
    • Campos do tipo Blob não podem ser combinados a nenhum outro tipo. 
  2. Cada entrada (Esquerda e Direita) possui uma lista suspensa onde você pode selecionar campos (colunas). Selecione o campo de junção para cada entrada. O Alteryx Designer seleciona automaticamente o campo de junção para uma entrada se um campo com o mesmo nome já foi selecionado para a outra entrada. Se você precisar de múltiplos campos de junção, pode configurar uma linha adicional de campos de junção.
    • Clique na lista suspensa para escolher um campo de junção adicional para cada entrada.
    • Para excluir um campo de junção, clique no número do lado esquerdo e selecione o botão Excluir.
  3. Use a tabela na janela Configuração para modificar o fluxo de dados de entrada. Cada linha na tabela representa uma coluna nos dados. A coluna Campo na tabela identifica o nome de cada coluna nos dados e se ajusta automaticamente para acomodar os nomes das colunas (campos) sem cortar nenhum texto (até 40 caracteres).

Pesquisar campos

Antes de começar a atualizar seus campos (colunas), é possível limitar sua lista para poder executar atualizações somente em um subconjunto dos campos. Isso também é muito útil se o conjunto de dados contiver muitos campos.

Para fazer isso, você pode usar a caixa Pesquisar na parte superior da janela Configuração. Insira uma palavra-chave e a ferramenta Junção pesquisará as colunas Campo, Renomear e Descrição para retornar correspondências. A pesquisa não diferencia maiúsculas de minúsculas.

Image showing the tool Configuration window with the Search box highlighted.

 

Em seguida, você pode executar várias ações (como selecionar, desmarcar, renomear etc.) somente nos campos que foram retornados por meio da pesquisa. Pense na caixa "Pesquisar" como uma maneira de filtrar sua lista de campos para que você possa atualizar apenas um subconjunto de suas colunas de dados.

Para exibir novamente toda a lista de campos, use o ícone "x" para limpar a caixa Pesquisar.

Depois de realizar uma pesquisa, somente um subconjunto de seus campos (colunas) de dados será exibido. Observe que, dependendo da ação escolhida no menu Opções...

  • Algumas ações podem se aplicar somente aos campos sendo mostrados.
  • Algumas ações podem se aplicar a todos os campos, independentemente de quais estão sendo mostrados.
  • Algumas ações podem se aplicar somente aos campos específicos selecionados (destacados) na lista de campos.

Por isso, tenha cuidado ao executar ações em um subconjunto de campos e verifique os resultados para garantir que eles sejam o que você espera.

Selecionar, desmarcar, ordenar e reordenar colunas

Selecionar e desmarcar campos/colunas

Para incluir uma coluna no conjunto de dados, marque a caixa de seleção à esquerda do nome da coluna. Desmarque a caixa de seleção para excluir a coluna. Você também pode usar a caixa de seleção na parte superior da tabela para rapidamente selecionar e desmarcar todos os campos visíveis.

Image showing the tool configuration window with the select all check box highlighted.

Ordenar colunas

Para ordenar as colunas de dados com base no nome da coluna...

  • Clique no nome da coluna para classificar em ordem crescente.
  • Clique no nome da coluna uma segunda vez para classificar em ordem decrescente.

Método de ordenação

A ordem de classificação padrão depende do idioma em que você está usando o Designer. Consulte Configurações de localização para saber mais sobre o Método de ordenação padrão.

Reordenar colunas

Para reordenar as colunas de dados...

  • Clique para realçar uma linha ou clique e arraste para realçar múltiplas linhas.
  • Use as setas Mover para cima ou Mover para baixo ou clique com o botão direito do mouse e arraste para mover as linhas para um novo local.

A coluna "Unknown" é selecionada por padrão. Isso permite novas colunas nos dados. Mova essa coluna para o local onde você deseja que uma nova coluna seja inserida.

Modificar o tipo e o tamanho dos dados

Tipo de dados

Use a lista suspensa Tipo para alterar o tipo de dados de uma coluna em seu conjunto de dados.

Tamanho dos dados

Para alterar o comprimento (número de caracteres para os tipos String e FixedDecimal) ou a medida (bytes para os outros tipos numéricos) permitidos para os dados em uma coluna, clique em Tamanho e digite um número. O tamanho varia de acordo com o tipo de dados e pode ser editado para os tipos numéricos decimais fixos e todos os tipos de cadeia de caracteres.

Use a opção [tipo de dados]: Forçado para garantir que uma coluna sempre contenha o tipo esperado de dados. Isso é útil ao criar macros.

Renomear uma coluna ou adicionar uma descrição

  • Para alterar o nome de uma coluna, selecione o campo Renomear e insira o novo nome.
  • Para adicionar uma descrição, selecione o campo Descrição e insira uma descrição.

Exibir mais opções

Depois de selecionar ou destacar linhas (colunas de dados) na tabela, selecione o menu suspenso Opções acima da tabela para exibir mais opções de configuração:

  • Salvar/Carregar: salve a configuração dos campos como um arquivo .yxft. O arquivo de tipos de campo do Alteryx é um arquivo de texto que pode ser usado em outros fluxos de trabalho por meio das opções Carregar nomes de campos ou Carregar nomes e tipos de campos.
  • Selecionar: marque ou desmarque todas as colunas ou as colunas realçadas. As opções incluem Selecionar tudo e Desmarcar tudo.
  • Alterar o tipo de campo dos campos destacados: altere o tipo de dados de todas as colunas realçadas.
  • Ordenar: classifique a ordem das colunas em crescente ou decrescente. As opções incluem Ordenar pelo nome dos campos, Ordenar pelo novo nome dos camposOrdenar pelo tipo dos campos e Reverter para a ordem de entrada dos campos. A ordem de classificação padrão depende do idioma em que você está usando o Designer. Consulte Configurações de localização para saber mais sobre o Método de ordenação padrão.
  • Mover: mova as colunas realçadas para a parte superior ou inferior da lista.
  • Adicionar prefixo ao nome dos campos: adicione um prefixo ao nome da coluna selecionada ou realçada.
  • Adicionar sufixo ao nome dos campos: adicione um sufixo ao nome da coluna selecionada ou realçada.
  • Remover prefixo ou sufixo: remova o prefixo ou o sufixo do nome da coluna selecionada ou realçada.
  • Limpar todas as renomeações: remova o novo nome de todas as colunas.
  • Limpar renomeações destacadas: remova o novo nome de todas as colunas realçadas.
  • Reverter tudo para o tipo e tamanho originais: desfaça todas as alterações de tipo e tamanho em todas as colunas e use os valores originais.
  • Reverter destacados para o tipo e tamanho originais: desfaça alterações de tipo e tamanho nas colunas selecionadas ou realçadas e use os valores originais.
  • Esquecer todos os campos ausentes: remova todas as colunas que não estão mais incluídas nos dados.
  • Esquecer campos ausentes destacados: remova todas as colunas realçadas que não estão mais incluídas nos dados.
  • Desmarcar campos duplicados: desmarque a segunda coluna quando existirem nomes de coluna duplicados. Essa opção só está disponível com múltiplas entradas.

Visualizar a saída

As três saídas resultantes da junção são...

Âncora L Contém os registros da entrada L que não foram combinados aos registros da entrada R. Âncora L
Âncora J Contém os registros que foram combinados entre as entradas L e R. Âncora J
Âncora R Contém os registros da entrada R que não foram combinados aos registros da entrada L. Âncora R

Tipos adicionais de junções

Consulte a tabela abaixo para usar a ferramenta Junção para executar diferentes tipos de junções.

Junção interna: contém os registros que foram combinados entre as entradas L e R. Âncora J

Junção interna

A saída J da ferramenta Junção contém o resultado de uma junção interna.

Desjunção esquerda: contém os registros da entrada L que não foram combinados aos registros da entrada R. Âncora L Desjunção esquerda

A saída L da ferramenta Junção contém o resultado de uma desjunção esquerda.

Desjunção direita: contém os registros da entrada R que não foram combinados aos registros da entrada L. Âncora R Desjunção direita A saída R da ferramenta Junção contém o resultado de uma desjunção direita.
Junção externa esquerda: todos os registros da entrada L, incluindo os registros que foram combinados à entrada R. Junção externa esquerda Junção externa esquerda

Para fazer uma junção externa esquerda, conecte as saídas J e L da ferramenta Junção a uma ferramenta União.

Conecte a saída J primeiro para estabelecer o esquema da tabela combinada.

Junção externa direita: todos os registros da entrada R, incluindo os registros que foram combinados à entrada L.

Junção externa direita

Junção externa direita

Para fazer uma junção externa direita, conecte as saídas J e R da ferramenta Junção a uma ferramenta União.

Conecte a saída J primeiro para estabelecer o esquema da tabela combinada.

Junção externa completa: todos os registros de ambas as entradas L e R. Junção completa Junção externa completa

Para fazer uma junção externa completa, conecte as saídas J, L e R da ferramenta Junção a uma ferramenta União.

Conecte a saída J primeiro para estabelecer o esquema da tabela combinada.

Esta página foi útil?

Problemas com seu produto Alteryx? Visite a Comunidade Alteryx ou entre em contato com nossa Equipe de Suporte. Não é possível enviar este formulário? Envie-nos um e-mail.