Skip to main content

OneDrive Input Tool Icon Ferramenta Entrada do OneDrive

A Entrada do OneDrive lê arquivos do OneDrive para o Designer. Consulte Microsoft OneDrive para saber sobre as limitações conhecidas. Mais informações sobre o Microsoft OneDrive podem ser encontradas no site de documentação do Microsoft OneDrive .

Consulte Compatibilidade do Designer com conectores de dados para manter a funcionalidade completa do conector do OneDrive.

Importante

Esta ferramenta não é instalada automaticamente com o Designer. Para usá-la, faça o download no Alteryx Marketplace .

Fazer login no OneDrive

O método OAuth é utilizado para autenticação. Você pode tanto usar o aplicativo Alteryx padrão, selecionando Fazer login pelo navegador da Internet , quanto fornecer seu próprio aplicativo de API, selecionando Fornecer o ID e o segredo do cliente e o ID do locatário . Consulte Configuração de aplicativo de API personalizado para informações sobre como criar seu próprio aplicativo de API.

Você pode utilizar o aplicativo Alteryx padrão ( Fazer login pelo navegador da Internet ) para programar fluxos de trabalho durante até seis meses. No entanto, se selecionar Usar entidade de serviço depois de selecionar Fornecer o ID e o segredo do cliente e o ID do locatário , você poderá definir a expiração do token de acordo com a política da sua empresa, e os fluxos de trabalho programados não serão associados a um único usuário. Isso é conveniente, por exemplo, se um usuário deixar a empresa e a conta for desativada, fazendo com que os fluxos de trabalho não sejam executados.

A ferramenta Entrada do OneDrive requer segredo de cliente mesmo ao se conectar com ID e segredo de cliente, e ID de locatário sem usar como entidade de serviço. Entre em contato com o administrador para solicitar o segredo, que é um Valor Secreto , e não um ID Secreto.

Selecione uma fonte de dados

A Entrada do OneDrive lê arquivos individuais ou múltiplos do mesmo tipo. Você pode selecionar uma pasta para ler todos os arquivos do mesmo tipo contidos nela e em suas subpastas, bem como definir os arquivos com caracteres curingas.

  • Selecione os arquivos a serem exibidos no menu suspenso Arquivos a serem exibidos . As opções são Arquivos pessoais , Recentes e Compartilhados comigo .

  • Selecione a pasta, o arquivo na árvore de arquivos ou procure por nome. Você também pode inserir o caminho do arquivo no campo Caminho do arquivo .

    DICA

    Quando você seleciona um arquivo, o formato dele é detectado automaticamente. Se você escolher uma pasta, será preciso selecionar, na guia Opções , o tipo dos arquivos que deseja ler. Você pode definir o caminho do arquivo com caracteres curinga. Por exemplo, ".../*2020.xlsx" para todos os arquivos XLSX que terminam com "2020".

  • Se você quiser processar um tipo de arquivo com o qual a Entrada do OneDrive não é compatível ou manter uma cópia off-line de um arquivo, selecione Baixar arquivo localmente para processamento mais tarde e escolha o local para salvar o documento. O local padrão é %TEMP%.

Selecione um formato de arquivo

O formato do arquivo é detectado automaticamente quando você seleciona um arquivo. Para ler múltiplos arquivos de uma pasta e suas subpastas, você precisa selecionar manualmente o tipo de arquivo na guia Opções .

  • As opções de Intervalo de dados especificam quais planilhas contêm os dados. As opções são Todas as planilhas , Nomes das planilhas , Números das planilhas , Intervalo nomeado ou Importar apenas a lista de nomes de planilhas .

  • Marque a caixa A primeira linha contém nomes de campo para definir a primeira linha de dados como cabeçalhos de coluna.

  • Use Iniciar dados on-line para selecionar em qual linha a importação vai começar.

  • Selecione Página de código para determinar a codificação dos dados.

  • Selecione Propagar campo imediatamente para a próxima ferramenta para propagar todos os campos para uma ferramenta conectada sem a necessidade de executar o fluxo de trabalho.

  • Use Anexar metadados para selecionar os metadados a serem anexados a cada linha da entrada.

  • Use Comprimento máximo do campo para definir o comprimento máximo de cada campo, permitindo o controle sobre o corte da cadeia de caracteres.

  • Use o Delimitador de campo para selecionar um delimitador de campo entre os campos. As opções são Vírgula , Ponto e vírgula , Tabulação , Barra vertical , Espaço ou Delimitador personalizado .

  • Marque a caixa A primeira linha contém nomes de campo para definir a primeira linha de dados como cabeçalhos de coluna.

  • Use Iniciar dados on-line para selecionar em qual linha a importação vai começar.

  • Use Caractere de aspas para selecionar o formato das aspas. As opções são Nenhum , Aspas simples , Aspas duplas ou Personalizado .

  • Selecione Página de código para determinar a codificação dos dados.

  • Selecione Propagar campo imediatamente para a próxima ferramenta para propagar todos os campos para uma ferramenta conectada sem a necessidade de executar o fluxo de trabalho.

  • Use Anexar metadados para selecionar os metadados a serem anexados a cada linha da entrada.

  • Selecione Propagar campo imediatamente para a próxima ferramenta para propagar todos os campos para uma ferramenta conectada sem a necessidade de executar o fluxo de trabalho.

  • Use Anexar metadados para selecionar os metadados a serem anexados a cada linha da entrada.